Notícias

Esse canal é atualizado de acordo com a demanda. Nele você encontra notícias sobre a empresa e os boletins enviados para a imprensa.

Assessoria de Imprensa:
Ana Gabriela Abreu - (38) 3729.6600
comunicacao@eco135.com.br

Queimadas próximo às rodovias

Publicado em 25 de ago de 2021 às 17:20

Concessionária realiza ação para alerta dos perigos e apresenta melhores dicas para prevenção dos motoristas.

 

Clima quente e tempo seco. É nesta época do ano que os incêndios encontram condições ideais para se propagarem. Nas rodovias, as queimadas provocam, além do prejuízo ambiental, risco de acidentes.

 

De acordo com um levantamento realizado pela Eco135, de março a julho deste ano, foram contabilizados 200 focos de incêndio em todo trecho concessionado, e uma das causas de acidentes em rodovias pode estar ligada a fumaça causada pelas queimadas, que, além de irritar os olhos, reduz a visibilidade dos motoristas. Colisões traseiras, saídas de pista e até atropelamento de animais silvestres também estão ligados a falta de visibilidade.

 

Além do risco aos usuários, as queimadas são extremamente prejudiciais ao meio ambiente. Segundo a coordenadora de sustentabilidade da Eco135, Flávia Amado, as queimadas causam diversos impactos irreversíveis à fauna e a flora. “ O fogo causa a morte de diversos exemplares da flora, assim como de animais silvestres que, por terem sua locomoção limitada, acabam morrendo queimados ou atropelados, quando se deslocam sentido a rodovia para fugir dos incêndios”, ressalta.

 

Com o impacto das queimadas, destacam-se ainda a alteração da qualidade do ar, mudança da paisagem, perda da vegetação local e afugentamento de animais que viviam ali. “O calor do fogo acaba resultando na alteração física e química do solo e consequentemente na capacidade de infiltração de água e perda de nutrientes e microrganismos, responsáveis pela transformação da matéria orgânica e ciclagem dos nutrientes”, completa Flávia.

 

Os incêndios podem ter início de forma natural, devido às condições da vegetação, que fica extremamente seca neste período, ou, como em sua grande maioria, ser decorrente da ação humana. Entre elas estão o lançamento de bitucas de cigarros pelas janelas dos veículos, utilização do fogo como limpeza de terrenos, fogueiras, queima de lixo ou queda de balões e rojões de artifício próximo à rodovia.

 

Segundo o levantamento da Eco135, a possível causa da grande maioria dos incêndios em todo trecho concessionado são criminosos. O ato de iniciar queimadas que coloque em risco a vida ou o patrimônio é crime com pena de detenção e multa.

 

Eco135 contra as queimadas

Para conscientizar e prevenir as queimadas em nossas rodovias, a Eco135 irá distribuir panfletos com informações para evitar as queimadas e de como trafegar em casos de fumaça próximo à rodovia.

A concessionária ainda alerta os usuários para que, ao avistarem um ponto de incêndio nas rodovias concessionadas, ligue 0800 0135 135. A Eco135 conta com viaturas equipadas com abafadores, tanques de água, mangueira, sinalizadores para garantir a segurança dos usuários e profissionais treinados para o combate às chamas. Essas viaturas são coordenadas pelo Centro de Controle Operacional (CCO) que realiza a comunicação entre a informação recebida, o direcionamento das viaturas e o acionamento do corpo de bombeiros, caso necessite.

 

Estatísticas

De março a julho de 2021, foram registrados, somente em nossas rodovias concessionadas, 200 focos de incêndio. Desse total, 77 focos só no mês de julho. Até meados de agosto já foram registrados 40 incêndios. A maioria deles se concentram na BR-135.

 

Em Minas Gerais, os números de incêndios já superam a média histórica dos últimos cinco anos. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), foram registrados, entre janeiro e julho, 1.949 queimadas em todo estado, o que representa um aumento de 73,2 % em relação ao mesmo período do ano passado.

 

Dicas

O que fazer em caso de queimadas nas rodovias?

- Ao entrar na cortina de fumaça, feche o vidro do veículo;

- Reduza a velocidade;

- Trafegue com farol baixo aceso;

- Atente-se a sinalização;

- Mantenha uma distância segura do veículo da frente;

- Não ligue o pisca alerta com o veículo em movimento;

- Evite frear bruscamente;

- Não pare na faixa de rolamento;

- Fique atento aos riscos com animais silvestres que tentam fugir do incêndio;

- Pare em local seguro e ligue para 0800 0135 135.